8 C
Latacunga
domingo, julio 3, 2022

Recomendado

João Baptista Borges: A nação angolana apresenta ao MINEA mais um desafio, traduzido numa solução urgente, para levar água às escolas

Sensibilizada com o nível de alcance do Programa e sobretudo do espírito de comprometimento do Titular do Sector de Energia e Águas e dos seus Quadros, destacados nas diferentes Empresas, ao usar da Palavra a Ministra da Educação, apresentou ao seu homólogo, pedido de cooperação no programa de instalação de sistemas de água as Escolas fora da cobertura da rede pública de água, um produto que a par da energia a Governante classifica de extrema importância para o reinício do ano lectivo marcado para o mês de Julho do corrente ano, um pedido reforçado pela mais alta dirigente de Luanda, Joana Lina, que enalteceu de igual modo o MINEA por estar sempre pronta a atender a Nação nos momentos mais difíceis da sua caminhada, por isso a Governadora Joana Lina, e a Ministra Luisa Grilo, apresentam mais um desafio ao Ministério da Energia e Águas – João Baptista Borges, nesta difícil etapa da sua história.

Apesar das  limitações em recursos materiais e humanos, e ainda ter sobre sua alçada importantes projectos em desenvolvimento e outros paralisados em consequência da  situação sócio -economica do País, o Titular do Sector Eléctrico e das Águas, Engenheiro João Baptista Borges, atendendo ao momento que o País vive, marcado da Pandemia Covid 19 e das suas nefastas consequências, promete juntar-se a causa, envolvendo seu potencial técnico e humano.

A reunião terminou com os dados lançados pela coordenação do programa em Luanda, liderada pelo Eng. Manuel Sopas, que começou por informar que foi possível abastecer na semana finda 12 milhões de litros de água. Neste momento, João Baptista Borges adiantou, o programa conta com uma significativa redução dos meios rolantes, restando 50 camiões.

A coordenação, sobre a distribuição de água às escolas, referiu, tendo em conta o universo das escolas a abranger, que seriam necessários cerca de 200 camiões, tendo terminado com uma resenha daquilo que tem sido a árdua tarefa de distribuir água de forma gratuita a Luanda e não só, falando dos parceiros engajados nessa empreitada e outros actores do sector, informa João Baptista Borges.

Segundo o Governante, o mais importante da reunião de hoje é a questão do abastecimento às escolas e falou de várias estratégias nesse sentido.

O terminal disponível para a denúncia de condutas indecorosas no cumprimento do programa de distribuição de água às populações é 938080702/938080802

Recomendado

No te pierdas